Artes Circenses

Cuidar da saúde deve ser prioridade na vida da maior parte da população e não há dúvida que a prática regular de atividade física é essencial para isso. As possibilidades são muitas, porém, cada vez mais pessoas buscam atividades alternativas, que fujam do dia-a-dia das academias convencionais. É para essas pessoas que as atividades circenses surgem como uma ótima opção.

De uma forma descontraída e aliando técnica e arte, o circo trabalha, de um modo geral e muito dinâmico, diversas capacidades físicas como: força, flexibilidade, resistência, equilíbrio e coordenação, além de aspectos como consciência corporal, noções de ritmo e confiança, tanto em si mesmo, quanto nos companheiros.

circo01

As aulas acontecem geralmente em grupos e não possuem restrição de idade, lembrando que cada corpo trabalha de um jeito distinto com suas próprias características e limitações. Elas visam trazer a tona o melhor de cada indivíduo, buscando o desenvolvimento pessoal e do grupo.

Dependendo do foco de cada aula, podem englobar técnicas em aparelhos aéreos (tecido acrobático, lira, trapézio e corda indiana), acrobacias de solo (saltos e acrobalance), manipulação de objetos (malabares) e equilíbrios.

circo03

No caso das crianças, todas as modalidades são adaptadas e trabalhadas de forma lúdica e recreativa, incentivando o desenvolvimento motor, o trabalho em grupo, a produção artística e criatividade

circo02
Venha você também fazer parte desta trupe! Um jeito divertido de cuidar da saúde!

12596492_993001884105876_370729253_n

Daniel Maciel

Daniel Maciel

Estudante de Educação Física e Saúde na USP.
Acrobata de solo e aéreo e professor de circo.
Daniel Maciel

Últimos posts por Daniel Maciel (exibir todos)

 

Nattan Nogueira

Nattan Nogueira

Formado em Educação Física
Acrobata de solo e aéreo
Professor de circo
Nattan Nogueira

Últimos posts por Nattan Nogueira (exibir todos)

Bruna Genovez

Bruna Genovez

Formada em Educação Física.
Acrobata aérea e professora de tecido acrobático
Bruna Genovez

Últimos posts por Bruna Genovez (exibir todos)

Compatilhar esse conteúdo:

0

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *